Eu posso lhe atender nos seguintes locais:

Consultório

Rua Fabia, 759 - Vila Romana

Siga nas Redes Sociais a Isabelle Zanoni

Facebook Isabelle Zanoni
Instagram Dra. Isabelle Zanoni

Todos os direitos reservados.

Comecei a treinar e ganhei peso, e agora?

28/08/2017

 

Primeiramente, temos que entender que o peso na balança, muitas vezes, não é o parâmetro ideal para medir gordura corporal, e que se pesar com muita frequência não é o melhor para saber se está perdendo aquelas indesejáveis “gordurinhas”.

 

O ganho de peso após começar a treinar pode vir por dois motivos. O primeiro motivo é a substituição da gordura por massa muscular. Como o músculo é mais denso do que a gordura, ele ocupa menos espaço no nosso corpo, e mesmo assim pesa mais. Por isso que a balança não é um método eficaz para aferir gordura corporal. Você pode estar ganhando músculos, o que é excelente para sua saúde a para o emagrecimento, e assim o peso irá subir. Neste caso seria ideal uma avaliação antropométrica realizada por um profissional qualificado.

 

O segundo motivo seria o aumento da ingestão calórica (calorias) por diversas razões. A atividade física aumenta o gasto energético diretamente, e uma série de hormônios que controlam a taxa metabólica e a fome, podendo aumentar a fome em pessoas que as realizam. Portanto, a atividade física tem o potencial de influenciar os dois lados da equação do balanço energético: aumenta o gasto energético e aumenta a ingestão. O problema está nesse “equilíbrio”. Muitas pessoas, pelo aumento de fome, costumam comer mais alimentos desbalanceados nutricionalmente, como alimentos ricos em gorduras e açúcares, e pobres em fibras, vitaminas e minerais, o que realmente ajudariam em um emagrecimento. Acabando que a ingestão calórica fica muito maior do que o gasto, e sendo armazenado em forma de gordura. A obesidade ocorre usualmente quando a ingestão de energia excede o gasto.

 

É importante que você perceba qual dos motivos é o que está desencadeando o seu aumento de peso, e procurar um profissional para te ajudar nesta questão.

 

Referencia:

MATSUDO, Victor Keihan Rodrigues; MATSUDO, Sandra Marcela Mahecha. Atividade física no tratamento da obesidade. Einstein, São Caetano do Sul, v. 4, n. 1, p.30-43. 2006.

 

Please reload

Nutricionista Esportiva graduada pelo Centro Universitário São Camilo com extensão em Home Care e Neurobiologia da Ingestão de Alimentos, especialista na área de Obesidade e Emagrecimento pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).
Certificada em Advanced Nutrition Specialist pela IFBB Academy.
Palestrante em diversos eventos e docente do curso técnico do Hospital Israelita Albert Einstein.
Dra. Isabelle Zanoni
Arquivo
Please reload

Tag Cloud